Alma-gêmea

" O amor não morre, o verdadeiro amor é imortal. O que termina são as atrações físicas que a imperfeição do homem chama de amor. O sentimento verdadeiro é laço fluídíco que ninguém vê, mas se percebe, porque a criatura amada resplandece em lembranças em nossos corações. O amor é a estrela que jamais fica ofuscada pela escuridão da dor ou injustiça. O amor para mim é uma floresta que se renova a cada minuto, e que agradece sem cessar a Deus, por ter-lhe dado vida. O amor é muito mais que corpos entrelaçados, são olhos que se fitam num grito de esperança de que jamais deixarão de enxergar um ao outro, MESMO ESTANDO SEPARADOS. O amor é o perdão em ação. Quem ama, ama verdadeiramente, nada exige da pessoa amada, mas tudo faz para a sua felicidade. O amor pode nos parecer uma gota de orvalho, mas quando o coração é uma flor, ele se sente alimentado. O amor é fruto criado por Deus e amadurecido por duas criaturas que se propuseram a viver juntas eternamente.
Para mim, o amor entre duas pessoas são como duas folhas de uma porta se abrindo mansamente para que outros passem por elas, mas no dia em que reencontram novamente – porque as portas ( as almas gêmeas ) tem de se fechar – elas gritam de felicidade ao bom Deus que as criou"
 
Chico Xavier
Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s